26 de set de 2012

História da Informática


Visto que a informática é uma das áreas que mais importância ganhou na sociedade moderna, no nosso dia a dia, é relevante ser traçado o seu percurso histórico, visto que é relevante muitas vezes até mesmo para trabalhos realizados por estudantes, ao longo do seu percurso académico. As Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) são a base de qualquer empresa/negócio ou até mesmo do saber base social de cada um de nós, enquanto membros ativos da sociedade.
                O primeiro computador, o ENIAC (Eletronic Numeric Integrator And Calculator) anunciado a 1946, era uma máquina gigantesca que ocupava um espaço tremendo de 62 metros quadrados, pesando cerca de 27 toneladas, constituído por motores e válvulas, sendo utilizado para realizar os cálculos matemáticos a serem utilizados no funcionamento da bomba de hidrogênio.
Dez anos depois surge no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), o primeiro computador que utilizava agora, transístores (Dispositivos constituído por semicondutores) como ferramenta na manipulação da informação computada
.
CRONOLOGIA DA INFORMÁTICA

        Em 1963 é patenteado o rato e no ano seguinte, um pesquisador norte-americano projetou e

criou a primeira rede de computadores interligada por fios.
Cinco anos depois a IBM desenvolveu o Ramac 305, utilizando discos de memória de 5 megabits. (
Unidade de medida de informação)
Em 1975 foi desenvolvida a linguagem Basic, a primeira linguagem para microcomputadores. Ainda no mesmo ano, Bill Gates e Paul Allen fundaram a Microsoft. No ano seguinte, Steve Wozniak e Steve Jobs criam a Apple Computer Company.
Em 1981 a IBM lançou o PC 5150. A partir dai estava lançada a “guerra” entre as empresas e foi sempre uma disputa a ver quem fazia melhores descobertas a nível de informática.
Em 1985 a Microsoft lançou o Windows e o Word 1.0.
Em 1989 Tim Berners-Lee criou a World Wide Web que originou a Internet.
Em 1991 é lançado o sistema operacional Linux. Foi a redução de tamanho e o aumento na velocidade e capacidade de processamento, a maior prova da evolução extremamente rápida das capacidades tecnológicas e científicas da Humanidade, uma vez que este “salto“, desde o ENIAC ao primeiro PC, deu-se apenas, em 30 anos.
O Windows 95, foi visto quase como que o
primeiro sistema operativo que era intuitivo e de fácil utilização, pelo grande público. Até então, o computador não era algo que fosse propriamente para o orçamento e/ou entendimento das massas. Este tipo de sistema operativo veio a preencher a lacuna entre o consumidor em geral e o mundo das novas tecnologias, contribuindo para que o PC (Personal Computer) se tornasse apenas mais um eletrodoméstico, cada vez mais pequeno e avançado.
Atualmente, o PC é como que um ser de rápida evolução, isto é visível na sua portabilidade/ tamanho e na complexidade de operações que consegue executar, tanto a nível de arquitetura de hardware (parte física do computador), como processadores mais velozes, maior capacidade de RAM, a arquitetura do Serial BUS e métodos de arrefecimento mais eficientes e avançados, como a Hidro-refrigeração, que consiste na utilização de água como método de arrefecimento.
Em termos de software, é de notar e referenciar uma também rápida evolução,no que diz respeito às operações que hoje nos é possível realizar no PC de nossa casa, desde estudos astronômicos, a criação de elementos gráficos e composição de vídeo e até mesmo, o desfrutar de experiências lúdicas, nomeadamente, jogos de computador, que conseguem criar realidades alternativas de alto detalhe, sendo algo que já todos tomamos quase como um bem essencial ou apenas mais um acessório em nossas casas ou escritórios.
Com esta evolução, surgiu também toda uma nova forma de linguagem cibernauta que tem transparecido para o nosso quotidiano. Uma linguagem composta por abreviaturas, terminologias e estrangeirismos, na sua maioria ‘emprestados’ da Língua Inglesa. Isto deveu-se, principalmente, à abertura das vias de comunicação internacionais, que só foram possíveis, com o uso da Internet como um meio de uso comunicacional diário.
Enquanto utilizador de um computador pessoal e da Internet, já me vi sujeito a muitos prós e contras da Web, como a via de comunicação que é. Esta, foi criada inicialmente como um projeto governamental nos Estados Unidos da América, para servir propósitos militares, tornou-se rapidamente um fenômeno mundial, que inicialmente servia para tornar possível a transferência de dados entre países e continentes de forma rápida e sem custos. No entanto, agora tornou-se também uma nova forma de realizar a divulgação e marketing de novos produtos, bem como a venda dos mesmos, o que deu origem ao e-commerce, o que efetivamente, torna o nosso quotidiano muito mais facilitado, possibilitando a compra de bilhetes para eventos socioculturais por via eletrônica, entre outros.
Estas novas possibilidades, que surgiram com a Internet, trouxeram, consequentemente, perigos para as crianças e adolescentes a nível mundial, nomeadamente, os perigos associados às redes sociais e chats, como regularmente são mostrados pela comunicação social, relativamente a raptos e casos de pedofilia, facilitados pelo acesso à Internet, dessas mesmas crianças e adolescentes.
De referir, por fim, os perigos que surgiram com o aparecimento do movimento Hacker no final dos anos 80 e teve o seu pico nos anos 90, vindo a colocar em jogo, questões como a liberdade e privacidade, do cada vez mais crescente número de internautas, devido à aparente facilidade com que se podia aceder, de forma ilegal, a informação restrita e confidencial dos mesmos, muitas vezes recorrendo à publicidade enganosa, como forma de lançar os seus spam’s, bots e trojans (vírus informáticos), para recolher informações relativas aos utilizadores infetados.
A Internet veio mandar abaixo as fronteiras físicas entre os diversos países, Línguas, culturas e comunidades. Considero que esta, tal como muitas outras evoluções que se deram na História Humana, traz consigo as vantagens acima referidas, mas também desvantagens, na medida em que a referida nova linguagem cibernauta, facilmente entra em choque com a linguagem e formas de comunicação a utilizar no nosso dia a dia, criando por vezes, barreiras na forma de expressão escrita e oral de algumas pessoas. Ao ouvirmos expressões como, Blog, Chat, MSN, Facebook e E-mail, apercebemo-nos automaticamente que há que alterar todo um método de pensamento pois existe um outro mundo (mundo digital) a fundir-se, constantemente com o nosso, e que a realidade que se vivia há uns anos atrás ficou para trás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI A SUA MARCA... COMENTE!!!